Saúde & Qualidade de Vida

É possível emagrecer comendo chocolate?

Compartilhe

É possível emagrecer comendo chocolate?

É possível emagrecer comendo chocolate?

Estudos comprovam que o cacau possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, as quais têm relação com a melhora da função cognitiva e até com a redução do risco de AVC. Os compostos do cacau responsáveis por esses benefícios são os flavonóides e as catequinas.

Então a resposta é simples: Sim! Você pode emagrecer comendo chocolate. Mas não é qualquer tipo de chocolate, razão pela qual é importante ter atenção aos tipos e quantidade de chocolate.

Nos chocolates comuns, comercializados em larga escala, habitualmente são adicionados açúcares e gorduras, tornando-os muito nocivos à nossa saúde. Por isso é fundamental ler o rótulo e observar o primeiro ingrediente disposto ali.

Para ser um chocolate do bem é preciso que o primeiro ingrediente e predominante no produto seja massa de cacau e que os percentuais dela estejam acima de 65%. Isso porque, ao mesmo tempo em que o cacau pode reduzir os índices de colesterol ruim, o chocolate comum, cheio de açúcares e gordura, poderá elevá-los.

O chocolate com baixa concentração de cacau e alta em açúcares e gorduras ruins, quando consumido em situações negativas, está geralmente relacionado à depressão, já que a pessoa necessita daquilo, do açúcar e da gordura em excesso para se sentir melhor.

Além das questões emocionais, que merecem atenção, o consumo elevado dessa versão de chocolates com grandes concentrações de açúcares e gorduras ruins dificultará qualquer processo de  emagrecimento e prejudicará a sua saúde.

Quais os benefícios do chocolate ou melhor do cacau ?

O chocolate com maior concentração de cacau, pouco ou zero açúcar e gorduras ruins pode, SIM, ser consumido, não interferindo no processo de emagrecimento e contribuindo de certa forma para a saúde.

Existem estudos relacionando o chocolate com a melhora do humor, devido à ação que ele tem sobre sistemas cerebrais que ajudam a controlar emoções, fazendo do chocolate um alimento que causa “conforto”.

Mas lembre-se,  nem tudo que traz algum benefício deve ser consumido em excesso. Deve-se ter sempre equilíbrio na escolha dos alimentos, das porções e, principalmente aos rótulos para que alimentos tidos como funcionais efetivamente cumpra o seu papel e auxiliem em seus objetivos.

Procure um nutricionista, ele é o melhor profissional para lhe ajudar e orientar sobre alimentos bons e ruins para você e qual no caso o chocolate e a porção mais adequada para lhe auxiliar no seu processo de emagrecimento.

Esse texto é de autoria de Luana Martins, nutricionista, especialista em nutrição esportiva e clínica, corredora e amante dos esportes e de uma vida saudável e equilibrada.@nutricionistaluana

Celulite? Não, obrigada!

Dicas para turbinar a malhação

Saiba quando os sucos podem comprometer o emagrecimento

SQUAD Magazine
contato@squadmag.com.br
Somos um canal de conteúdo, que tem por objetivo reunir gente bacana, antenada e com sede de informação inteligente, rápida e de qualidade. Moda, lifestyle, gastronomia, saúde, viagens, vinhos, qualidade de vida e muitos outros assuntos vão estar por aqui.
Deixe seu comentário
Comente via facebook
Voltar ao topo