Lifestyle

Como a corrida me transformou!

Compartilhe

Um dos objetivos da SQUAD, esse esquadrão de gente bacana, é trazer além de informação de qualidade, histórias que motivem, emocionem e nos façam repensar e, quando necessário, até mudar. Hoje, para mostrar para vocês o quanto uma decisão pode impactar a vida de alguém trazemos o relato do ex-sedentário e agora corredor e triatleta Rodrigo Girolla.

Como a corrida me transformou!

“Há cinco anos atrás, exatamente em maio de 2010, eu tomava uma decisão muito importante e que geraria reflexos positivos em vários aspectos da minha vida. Sempre que eu converso sobre a minha biografia esportiva, costumo comentar que vivi em movimento até os 17 anos, no sedentarismo estagnado dos 18 aos 31 anos e novamente em movimento nos últimos 5 anos.

A prática de atividades físicas periódicas e orientadas repercutiu maravilhosamente bem na minha vida pessoal e profissional.

Tornei-me um pai e marido mais disposto, mais brincalhão, mais saudável, servindo de espelho para aqueles dois pequenos cuja responsabilidade nos foi confiada.

Tornei-me um profissional mais eficiente, eficaz e voltado para a produtividade, para o resultado, fora as mudanças de humor, os novos e saudáveis hábitos alimentares e um círculo de amigos inspiradores.

É complicado descrever, você precisa experimentar os efeitos que a prática de atividades físicas pode lhe propiciar nos diversos papéis que desempenhamos diariamente. Importante frisar: nada começa de forma grandiosa.

Um novo “EU”

Se você hoje é um maratonista, um triatleta, é porque em algum momento da sua vida você optou por iniciar um processo de desenvolvimento esportivo, um processo de mudança, de construção de um novo “Eu”.

No princípio de maio de 2010, eu senti medo na primeira vez que corri pelas ruas da minha cidade. Mesmo conhecendo o percurso (de carro, obviamente), eu não conseguia me concentrar no que estava fazendo, foi muito ruim.

Mesmo depois, com orientação profissional adequada, era uma tarefa árdua e distante correr 400 metros sem caminhar.

Mas a minha opção pelo movimento foi definitiva e com o passar dos meses, consegui superar os obstáculos iniciais, tornando-me uma pessoa ativa. Eu diria que correr os primeiros 5K foram mais difíceis do que correr a minha primeira maratona, pois eu precisava deixar para trás 14 anos de reatividade. No começo eu tinha todas as desculpas possíveis para parar, mas não parei mais.

Alguns aspectos importantes que devemos levar em consideração para a mudança:

INICIATIVA: você e só você precisa tomar a decisão, se convencer de que o corpo que você habita é sua única e mais importante casa. Deixar para o ano que vem pode ser tarde demais.

PLANEJAMENTO: tomou a iniciativa? Então você precisará escrever um plano de ação (sim, escrito) e, de preferência, contando com o auxílio de alguém com mais experiência do que você.

DISCIPLINA: ninguém nasce disciplinado, você está disciplinado e é extremamente natural que tenhamos dias de total indisciplina. O segredo é você encarar um dia de cada vez, buscar a disciplina através do hábito.

FOCO:  se você tomou a decisão, fez o planejamento e está buscando a disciplina diária, precisa se manter firme no propósito, ou seja, focado na meta.

PERSEVERANÇA: você vai precisar muito disso. Perseguir, ser constante, permanecer, são verbos que precisam ser conjugados cada vez que o desânimo chegar e pode acreditar, ele baterá a sua porta diversas vezes.

PACIÊNCIA: muita gente se cobra demais, acaba metendo os pés pelas mãos. As mudanças físicas e mentais serão sentidas gradativamente.

COMEMORAÇÃO: comemore cada pequena vitória, cada dia que você conseguiu melhorar a sua alimentação, que acordou mais cedo, cada dia que você praticou uma atividade gostosa e bem orientada.

Nunca é tarde para começar, todo santo dia representa uma página em branco para você escrever um novo episódio da sua vida. Quer longevidade? Quer reduzir os riscos de problemas relacionados à saúde? Quer ter mais ânimo, melhorar o seu humor? Quer ser feliz? Então não espere mais. Acredite na sua capacidade, acredite na sua grandeza.”

Como a corrida me transformou! 2

O texto em aspas e as imagens são de autoria de Rodrigo Girolla e foram cedidas ao SQUAD MAGAZINE. Rodrigo é advogado, triatleta, autor do blog TIMEGIROLLA, pai do Enzo e do Felipe e marido da Julie.@rodrigogirolla

SQUAD Magazine
contato@squadmag.com.br
Somos um canal de conteúdo, que tem por objetivo reunir gente bacana, antenada e com sede de informação inteligente, rápida e de qualidade. Moda, lifestyle, gastronomia, saúde, viagens, vinhos, qualidade de vida e muitos outros assuntos vão estar por aqui.
Deixe seu comentário
Comente via facebook
Voltar ao topo